ATO PROPÕE MOVIMENTO PARA SUBSTITUIR A POLÍTICA

ADEUS POLÍTICA! DA LIBERTAÇÃO À EMANCIPAÇÃO!

Na sexta-feira, 23 /03, Fortaleza teve um ato diferente. Um ato que expressou um duplo desafio. Falar sobre a libertação dos escravos e a emancipação dos novos escravos da modernidade com a construção de um novo movimento social que dê conta dessa façanha histórica.

Como se sabe, em 1999 foi lançado um Manifesto Contra a Política. Agora, com a aproximação da realidade a essa previsão, é urgente a construção de um movimento prático que dê conta das exigências do momento atual.

Não se trata apenas de manifestar o descontentamento através do não voto, do voto nulo ou branco que segundo a pesquisa já chega a 75%, mas de substituir a política, que como nexo categorial do sistema fracassou.


As consequências disso são profundas particularmente porque quem continua agarrado à política ilude-se tentando trocar uma política por outra, quando se trata da sua substituição. O assassinato da vereadora Marielle Franco e seu motorista Anderson Gomes é exemplo disso, assim como todo o processo de barbárie e destruição ambiental em curso.

O ato dessa sexta-feira teve como objetivo exatamente fortalecer e ampliar a proposta de uma experiência inovadora, instigante, para enfrentarmos, superarmos e substituirmos a política e seu sistema pela sociedade da emancipação humana e ambiental.

Lembrando um pouco os atos A Morte do Capitalismo, o ato teve também diversas manifestações culturais:
BANDAS DE ROCK: GRIUTS. DIAGNOSE, CÓDIGO DE CONDUTA, DISCRASIA, GRILLUS SUB…
MPB: DANIEL ARRUDA, Parahyba de Medeiros, CHARLES DELANO…
RODA DE CAPOEIRA ANGOLA / OFICINA DE FARMÁCIA VIVA / POESIA /
Também a campanha de solidariedade a Rafael Braga.

Foi um espaço aberto e ampliado para um novo projeto horizontal, autônomo com novos processos de discussão e decisão para propiciar ares emancipatórios para a sociedade brasileira.

ATENÇÃO! ATENÇÃO!

 ATENÇÃO! ATENÇÃO!

CONSTRUIR NOVOS CAMINHOS! ESSA É A EXIGÊNCIA DO MOMENTO ATUAL.

AFINAL, O ALERTA ESTÁ DADO. 75% DOS ELEITORES NÃO VÃO VOTAR, OU VOTARÃO NULO OU BRANCO, CONFORME PESQUISA.

O CEARÁ FOI PIONEIRO NESSA CAMPANHA. FOI TAMBÉM NA LIBERTAÇÃO DOS ESCRAVOS.

SERÁ PIONEIRO NA EMANCIPAÇÃO DOS NOVOS ESCRAVOS DA POLÍTICA E SEU SISTEMA?

BASTA DE MÁFIA POLÍTICA QUE SÓ ADMINISTRA BARBARIE, GENOCÍDIO, ECOCÍDIO, CATÁSTROFE, CHACINA, CORRUPÇÃO E ADUBA HOMOFOBIA, RACISMO, VIOLÊNCIA, INTOLERÃNCIA, ÓDIO.

CHEGA DE DEGRADAÇÃO QUE ADVÉM DO FRACASSO DA NOVA REPÚBLICA QUE JÁ NASCEU PODRE E HOJE SE DECOMPÕE.

VAMOS NOS INSURGIR COMO VAGALUMES PARA PORMOS FIM A ESSE ESPETÁCULO DEPRIMENTE COM SUAS TREVAS.

VAMOS INAUGURAR UM NOVO PROJETO ABERTO, AMPLO, HORIZONTAL, AUTÔNOMO PARA RESPIRARMOS ARES EMANCIPATÓRIOS!

UM PROJETO COM NOVOS PROCESSOS DE DISCUSSÃO E DECISÃO, ONDE O POVO NÃO MAIS MENDIGA, MAS CONQUISTA A NOVA RELAÇÃO SOCIAL, A NOVA SOCIEDADE.

VENHA PARA ABRIRMOS PERSPECTIVAS PARA SUBSTITUIRMOS A POLÍTICA E SEU SISTEMA PELA SOCIEDADE DA EMANCIPAÇÃO HUMANA E AMBIENTAL.

ESTES SÃO ALGUNS DOS OBJETIVOS DO ATO ADEUS POLÍTICA! DA LIBERTAÇÃO À EMANCIPAÇÃO!

PARTICIPE!

23 DE MARÇO – 6ª FEIRA – A PARTIR DAS 16 HORAS

NA PRAÇA DO FERREIRA!

VAMOS À LUTA!